Home » Rock Anos 90

“That 90’s Show”: Pegue carona com Os Simpsons em uma viagem musical pelos anos 90

24 August 2008 7 Comments
15 Flares Twitter 1 Facebook 14 Google+ 0 15 Flares ×

[..Os Anos 90] Foi um ótimo tempo. A guerra do Iraque tinha acabado de vez. Um guerreiro chamado Matt Groening criou Futurama e os jovens acreditavam em seus sonhos, graças a uma série de TV chamada Melrose Place.” (Homer Simpson)

Photobucket

Sou apaixonada por Simpsons e tudo relacionado aos bonecos amarelos, até mesmo os mais inutéis cacarecos, me interessa. E muito. Sabendo disso, recebo dicas de tudo quanto é lado sobre coisas bacanas envolvendo um dos seriados mais sensacionais de todos os tempos. Esta, veio do meu amigo Cauê, da banda Suedhead que comentou sobre o episódio mais bacana de Os Simpsons:“That’ 90’s Show” no qual Homer, por meio de sua banda, a Sadgasm, assume a paternidade do estilo musical que faz parte da história dos anos 90: o grunge. E realmente não me arrependi.

Quem viveu intensamente os anos 90 e toda a sua diversão, loucura, tendência e outras cositas más, realmente reconheceu no episódio uma máquina do tempo pela qual foi possível reviver o auge de bandas como The Verve (que ratifica sua relevância com o lançamento do novo álbum), Bush e Nirvana. Momentos que, com certeza, vale a pena ser relembrados.

Bush

Photobucket

Photobucket

Sadgasm – Margerine

Spread yellow gunk on my pancake heart,
Country churned girl in my grocery cart.
I paid for her dreams, she taught me to cry,
Like watery knives, like rain from my eyes.
I can’t believe you’re not mine,
I can’t believe you’re not mine.
Margerine. Margerine. Margerine.

Bush – Glycerine

Esta música foi um dos grandes chicletes dos anos 90. Gavin Rossdale diz ter escrito essa canção para a sua namorada, Jasmine Lewis. Glicerina, na verdade é um produto químico muito utilizado em perfumes, remédios e para preservar comida. O título vem da utilidade da glicerina para estabilizar a nitroglicerina em aplicativos explosivos. Rossdale explicou que a canção era para mostrar que o amor equivalia a uma bomba.. tão tá, né?

Nirvana

PhotobucketPhotobucket

Sadgasm – Shave Me

Segunda referência musical à Nirvana encontradas no episódio. Shave me (“Me depile”) é nitidamente inspirada em Rape Me (“Me estupre”), uma das mais controversas canções de Cobain.

Nirvana – Rape me

Um hit alimentado pela polêmica e integrante de um dos álbuns mais populares de toda história: Nevermind. Cobain utilizou a mesma base de guitarra de seu megasucesso Smell like teen spirit e escreveu uma canção sob a ótica de uma vítima de estupro respondendo ao estuprador, o contrário de Polly que é sob a ótica do algoz. Alémde ser quase que uma canção de apoio a essas vítimas, acredita-se que Kurt também se refere ao estúpro da mídia, principalmente a MTV.

Outras referências:

Closing Time – Semisonic

A canção trata de algo tão singelo quanto bonito: um líder de uma grande banda esperando o nascimento do seu primeiro filho. Outro fabuloso chiclete dos anos 90 (e, cá entre nós, muito melhor do que Secret Smile, outro sucesso emplacado pela banda)


Semisonic – Closing Time por hushhush112

Bittersweet Symphony

Experiemente contar a história dos anos 90 sem incluir essa música para ver o que acontece… um dos clássicos da década, Bitteraweet Symphony tomou emprestado riffles da música The Last Time dos Stones, de 1965. Mas antes que alguém os acuse de plágio, estes foram devidamente autorizados para uso do The Verve.

Falando nisso… Tudo se transforma.

PhotobucketPhotobucket

Nada se cria nessa vida já dizia alguém que deve ter tido problemas com direitos autorais. Se assistindo a clipe do The Verve você teve a sensação de Deja vu, desencana porque esta é real. Há quem diga que este clipe foi inspirado no vídeo Unfinished Sympathy do Massive Attack no qual vemos Sarah Nelson num plano sequência andando e esbarrando em tudo e em todos. Gravado em janeiro de 1991, o clipe foi homenageado pelo The Verve sete anos depois, com uma produção, obviamente, muito melhor.

Já em 2004 foi a vez de Bono andar pelas ruas para prestar uma homenagem a seu pai cantando a belíssima Sometimes you can’t make ir on your own.

U2 – Sometimes You Can’t Make It On Your Own por rene no Videolog.tv.

Com informações do SongFacts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Cler Oliveira (923 Posts)

Cler Oliveira, jornalista, gaúcha, apaixonada por música. Curte pop rock internacional dos anos 80, 90 e tudo o que agrade os ouvidos depois dos anos 2000.


7 Comments »

  • Julia Sato said:

    adoreeiiiiii procurei essa musica Closing Time – Semisonic por causa dos simpsons q eu ouvi e n sabia qm cantava ameii ter achado aki

  • GUI said:

     
    Gostei muito do seu post, mas confesso que encontrei ele no google procurando justamente esse episodio dos simpsons, porem foi porque eu quero saber o que um cara disse quando o Homer tocou na faculdade com a banda pela primeira vez… Foi tipo assim, o cara ligou para o primo dele e disse: “sabe aquele som que você estava procurando escuta só”. E o que tem demais nisso? No episodio nada, mas o que me fez procurar foi quando eu aconteceu a mesma coisa num episodio de Family Guy (Uma familia da pesada) e agora eu estou procurando pra entender melhor a “piada” rsrs
    obrigado ou desculpa rsrs caso você saiba a resposta me manda em guyer_lg@hotmail.com ou me avisa quando for fazer um post bom assim kkk

  • Quem diria: Coldplay fará show privado para Bart Simpsons! | Hit Na Rede said:

    [...] algo que eu sempre quis ver: Coldplay em Os Simpsons. Ao que tudo indica, Chris Martin e seu bando irão dar os ares da graça na próxima temporada do [...]

  • jonoroko said:

    O episódio é bem legal, as musicas sao mt boas (secret smile eh melhor q closing time)…

    Faltou um detalhe: a parte 3 tem que baixar e o link é esse:
    http://www.rapidshare.com/files/140530772/parte_3.avi.html

  • Cegos, Surdos e Loucos - Agosto de A a Z said:

    [...] dinheiro no lixo – Crítica Construtiva Sexy metal and rock songs for stripping – Strippers Music That 90’s Show: Entre com Os Simpsons em uma viagem musical pelos anos 90 – Hit na Rede Um evento que você quer ver: Nokia XpressBands – Odeio e Justfico Vazou Chinese [...]

  • Kauê said:

    O que?
    “worst episode ever”.

    Não acredito que ouvi isso!!!!

    discordo plenamente!!!!!!
    e digo mais!!!!!

    “BEST EPISODE EVER”!!

    SÓ QUEM CURTIU O MOMENTO E A MÚSICA PODE CONCORDAR…

  • Fabio Brito - PsychoPenguin said:

    Apesar de ter sido dedicado aos anos 90, esse é um episódio que eu diria, a exemplo do Comic Book Guy, “worst episode ever”.

    A trama foi completamente sem sentido e totalmente forçada para encaixar a temática pretendida.

    Os roteiristas já foram melhores. :D

Leave a comment!

Add your comment below, or trackback from your own site. You can also subscribe to these comments via RSS.

Be nice. Keep it clean. Stay on topic. No spam.

You can use these tags:
<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

This is a Gravatar-enabled weblog. To get your own globally-recognized-avatar, please register at Gravatar.